DEV Community 👩‍💻👨‍💻

Cover image for Os desafios de ser DevRel
Morganna for Feministech

Posted on

Os desafios de ser DevRel

Mais uma vez, gostaria de deixar claro que, em toda essa série sobre DevRel, estou compartilhando a minha experiência e o que eu tenho aprendido nesses últimos meses como DevRel, entendendo quais são os desafios que preciso enfrentar diariamente, assim como quais tem sido os desafios de pessoas que acompanho ou tenho proximidade e que também atuam como DevRel em sua vida profissional.

E, como sempre, deixo o canal aberto para comunicação e feedback. Seria muito interessante para o conteúdo e para outras pessoas que o acessarem, você que também é DevRel compartilhar um pouco dos seus desafios e suas dificuldades. Isso pode ajudar muita gente.

Desafios

Entender que atuar em comunidade nem sempre é o mesmo que ser DevRel

Eu sei que é estranho falar isso, mas o que quero dizer é o seguinte: nem sempre a mesma forma como você atua nas comunidades de tecnologia que você faz parte, pode ser a mesma forma que você poderá atuar em uma empresa que te contrate como pessoa DevRel. Isso porque os processos são diferentes, assim como as demandas. Atuar em comunidade te possibilita ter experiência para atuar como DevRel, porque vai te ajudar nas questões de comunicação, networking, aprender a compartilhar conhecimento, gerar conteúdo e produzir eventos. Contudo, ao entrar em uma empresa, muitas vezes você precisará entender processos e burocracias internas para executar diversos projetos. Mas prefiro falar disso em um tópico separado (a seguir).

Aprender novos processos e a lidar com burocracias

Você precisará entender como as diversas áreas de uma empresa funcionam, até para saber com quem falar, quais são os requisitos e regras que você precisa cumprir para organizar ou participar de um evento, por exemplo, entre diversas outras coisas. Dependendo do tipo de empresa, podem existir regulamentos e cuidados a serem tomados diferentes. Por exemplo: atuar em um banco, que tem muito cuidado em relação à segurança da informação e às regras do BACEN (Banco Central do Brasil), é bem diferente de atuar em uma instituição de educação, que mesmo que tenha a questão de segurança da informação, já tem em sua essência a regra de compartilhar conhecimento.
Procure sempre ter uma comunicação aberta e transparente, converse, alinhe com as áreas de marketing, tecnologia/engenharia, comunicação, gestão de pessoas e, se necessário, alinhe sempre também com os times de compliance e jurídico. Nem só de documentação técnica vive a pessoa DevRel. Esses processos novos que você aprender, valem muito a pena serem documentados. Assim você terá todas as áreas na mesma página que a sua e saberá como atuar em cada projeto que for executar.

Simplificar a comunicação

Como já citado anteriormente, é possível que seja necessário alinhamento com diversas áreas, inclusive algumas que não são de tecnologia. É importante você conseguir simplificar a sua comunicação para que pessoas "não-técnicas" entendam o que você precisa para realizar seus projetos.
Além disso, também é importante praticar e aprender a simplificar sua comunicação (oral, escrita, não-verbal) no momento em que precisar compartilhar conhecimento. Isso porque você pode lidar com pessoas iniciantes e pessoas que já possuem anos de experiência. E é importante que ambos os lados entendam o que você precisa passar.
A dica aqui é a prática, ela vai te ajudar a melhorar cada vez mais a maneira de se comunicar. E, sempre que puder, peça feedback. O feedback pode te fazer perceber tanto pontos que precisam melhorar, quanto pontos positivos que você já alcançou, mas não necessariamente conseguiu notar antes.

Engajar pessoas para os projetos

Lidar com pessoas de maneira geral é sempre um desafio, no meu ponto de vista. Independente da área que você atua, mesmo as que estão distantes da tecnologia. Mas acredito que buscar assuntos de interesse pode ser um ponto que vai te ajudar a engajar a participação das pessoas num evento. Estar perto de quem atua em tecnologia na empresa em que você trabalha e manter a comunicação aberta vai te ajudar a conhecer um pouco mais das dificuldades dessas pessoas e do que elas precisam. Isso pode ajudar muito na experiência do dia-a-dia e vai te permitir se aproximar cada vez mais dos times, facilitando seu trabalho quando você precisar da participação efetiva delas. Além disso, seu relacionamento com as comunidades de tecnologia pode te fazer ter a sensibilidade de entender como e quando atuar em determinados assuntos, sejam eles técnicos ou não.

Deixar projetos e conteúdos acessíveis

Para mim, isso é um exercício diário. Nem sempre consigo deixar tudo acessível, mas tento aprender com as comunidades e as pessoas com as quais eu trabalho. É importante pesquisar, perguntar, correr atrás e deixar o mais acessível possível. Comece tendo a preocupação de descrever as imagens que você usa. Entenda os públicos que você tem e quais novos públicos você pode atingir, sempre pensando em diversidade e levando essa preocupação também para a empresa na qual você trabalha.
Por conta de alguns aprendizados, comecei a escrever alguns artigos que você pode encontrar clicando aqui sobre acessibilidade. Fique à vontade para complementar com as suas dicas também.

Métricas

Essa tem sido a minha maior dificuldade. Existem diversas métricas que podem te ajudar a mensurar algumas de suas ações, apesar de ser importante existir um alinhamento que nem sempre as coisas podem ser mensuráveis a curto prazo. Dependendo de suas ações, o resultado pode ser colhido apenas meses depois.
Mas o que tenho feito bastante é entender os feedbacks. Praticamente todas as ações eu peço feedback. Nem sempre consigo grandes números de respostas, e aqui mora um outro desafio diário. Mas o retorno dos feedbacks me faz entender alguns pontos de melhoria e como posso atuar das próximas vezes.

Lidar com a saúde mental

É sempre bom lembrarmos que somos seres humanos. Nós também cansamos, também ficamos com alguns bloqueios de criatividade, também podemos ter dificuldades, também temos dias ruins vez ou outra, enfim. É importante cuidarmos de nós e da nossa saúde. Criar conteúdo, interagir com pessoas diversas, lidar com desafios diários, tudo isso pode ser bem cansativo. Saiba respeitar seus momentos de descanso. E faça terapia, se tiver a oportunidade para isso.

Desligar o "eu DevRel"

Quando trabalhamos com pessoas e criação de conteúdo, precisamos ter muito cuidado para não fazer isso 100% do nosso tempo, inclusive o que deveria ser destinado para descanso. Acabamos sempre ficando nas redes sociais, nas horas vagas vamos atuar nas comunidades que apoiamos, ajudar em projetos, fazer mentorias, entre outras coisas. Não acho que isso seja necessariamente errado, mas entendo que é importante termos cuidado para nossa vida não virar completamente para o nosso "eu DevRel" e esquecer de viver outras coisas também. Como o tópico anterior disse, é importante cuidar da saúde mental.

Aprendizados

Atuar como DevRel pode te tirar bastante de uma rotina. Claro que muitas das vezes você pode saber exatamente quais são os projetos em que vai atuar, mas muita coisa pode ser aprendida no decorrer dos dias. As pessoas são caixinhas de surpresas e cada uma carrega consigo uma bagagem de histórias.
Não enxergo o trabalho de uma pessoa DevRel apenas como alguém que só se preocupa com o aprendizado e evolução técnica dos times de tecnologia e das comunidades, mas também alguém que pode inspirar outras pessoas das mais diversas formas. Então ainda que diversos pontos aqui tenham sido apontados como os principais desafios que vivi ou vivo até o momento, eles também se tornaram grandes aprendizados. Então, gostaria de te encorajar a enxergar as dificuldades como novos aprendizados, que podem te fazer evoluir tanto na vida profissional quanto na vida pessoal. Afinal de contas, mais importante que a tecnologia com a qual você atua, são as pessoas as quais você inspira.


Espero que, além dos desafios, essas tenham sido dicas interessantes para quem tem interesse em se tornar DevRel. Se você já trabalha na área e quiser, por favor, complemente o conteúdo com os seus maiores desafios também e o que tem feito para aprender com eles. É sempre bom ter outros pontos de vista.

Obrigada por ter lido o artigo e deixo o canal aberto para troca de ideias e feedbacks.

Top comments (0)

Update Your DEV Experience Level:

Settings

Go to your customization settings to nudge your home feed to show content more relevant to your developer experience level. 🛠