DEV Community

loading...
Cover image for Me escuta?

Me escuta?

vepo profile image Victor Osório Originally published at vepo.github.io Updated on ・5 min read

No tempo em que era júnior, trabalhei em uma empresa que toda vez que tinha uma rodada de avaliação eu sempre recebia o mesmo feedback negativo: você não escuta! Eu ouvia o feedback e me esforçava, a cada reunião, para escutar tudo.

Comecei a anotar.

Tirei todas as distrações durante as reuniões.

Mas sempre o mesmo feedback...

Até que liguei o f**a-se e obviamente continuei júnior até ser convidado a me retirar da empresa.

Ok. Foi mais ou menos uma falha minha. Eu fiquei anos tentando aprender como escutar e não consegui.

Anos mais tarde, em um treinamento de 30min, eu aprendi o que estava fazendo de errado! 🤦‍♂️

Diferença entre Ouvir e Escutar

Escutar é algo muito diferente de Ouvir.

Fisiologicamente Ouvir é a captação de sons pelos ouvidos e a recepção deles no cérebro.

Escutar é um passo além do Ouvir. Escutar significa identificar e interpretar o conteúdo dos sons ouvidos.

A primeira coisa que eu aprendi ainda no meu primeiro emprego foi: para Escutar você tem que remover todas as distrações.

Sabe seu celular? Quando estiver em reunião, remova as notificações. Sua atenção deve estar em quem está falando, se não é bem capaz que você não compreenda algo. Tem outro gadget que vai te manter "informado"? Desligue, a mera presença de um celular já reduz sua atenção.

Escute, mas escute ativamente

Além da escuta, há um outro processo no nosso cérebro. Quando a informação chega, logo ela vai sendo associada com algo que já conhecemos ou imaginamos. Vou chamar isso de pressupostos.

Todos nós temos nossos pressupostos e as vezes eles não são iguais aos do outro lado. Vamos supor uma conversa:

- Pra fazer o deploy podemos subir um servidor na Amazon e pronto... tudo lá!
- Vamos usar o cloud da Amazon?
- Ainda não está definido...

Muitos poderiam ao ouvir a primeira frase supor que a escolha da cloud já estava feita. Se não fosse feita uma pergunta, muitos problemas poderiam ocorrer.

O dialogo acima é o que podemos chamar de escuta ativa. Para praticar a escuta ativa precisamos:

  1. Ter real interesse pelo que está sendo dito.
  2. Não assumir nenhum julgamento ou confirmar o que está assumindo.
  3. Repetir e resumir o que se compreendeu da fala do outro.
  4. Não deixar passar dúvidas, não sabe do que estão falando: pergunte!

Escuta ativa é uma pratica, treine-a. Ela envolve até a perca de certa vergonha. "Mas isso é óbvio, não vou perguntar...". Quando eu morava em uma republica em Barão Geraldo, tinha um amigo que sempre falava: "Não existe óbvio e nem senso comum". Uma prática que peguei é sempre fazer perguntas, mesmo que sejam obvias, caso você tenha dúvidas, deixe isso claro pro seu intelecutor. "Caro, vou fazer umas perguntas que podem parecer bobas, mas é para alinharmos o nosso entendimento".

Um Sênior deve saber escutar, escutar muito bem!

Um Sênior deve saber escutar, escutar muito bem! Preciso repetir?

Não apenas ouvir. Mas entender as ideias sendo discutidas.

Não deve ter pressupostos. Caso os tenha, deve confirmar com o interlocutor. Um falso entendimento pode surgir, resolver ele cedo é mais barato do que deixar ele crescer.

Se perder a atenção, o que é completamente normal, peça para repetir.

Deve ficar atento, toda informação é importante.

Não existem perguntas bobas. Deve fazer perguntas caso as tenhas. Não deve deixar a dúvida crescer.

Ele também deve estar atento ao time. Desenvolvedores menos experiêntes podem não se atentar a esses "detalhes".

Um Sênior escuta antes de falar

Nós gostamos de falar. Óbvio! É a maneira que nos expressamos e que somos notado. Certo?

Errado!

Cuidado com suas expectativas. Não queira ser notado de imediato falando. É melhor ser notado por fazer as perguntas certas. Então escute! Fale menos do que escute.

No meu emprego atual, eu vim trabalhar em uma empresa de uma área completamente diferente da que estava habituado. Ao ver algumas coisas, já pensei estão fazendo coisas errada.

Mas calma... fui levando essa dúvidas até que perguntei: porque é assim?

Recebi uns não sei... Aí me pediram pra explicar como eu imaginava ser...

Logo supuseram, estamos fazendo errado? Calma, vamos investigar.

No final, chegamos em algumas conclusões, dentre ela é para fazer da maneira "certa" seria necessário muitas modificações e o custo não justificava, já que o produto em questão estava com o fim decretado.

Nosso presuposto era estamos fazendo errado, mas isso já havia sido avaliado e era uma questão de tempo. Evitar julgamento é muito importante para evitar atrito.

É preciso ouvir, as vezes você acha que ninguém nunca pensou no que você pensou. Calma, escute.

Um Sênior envolve o time

Um dos pré-requisitos do Agile é a construção de Software através de times auto-gerenciados e profissionais engajados.

Ora, qual seria a função de um Sênior em uma equipe? Fazer com que ela seja auto-gerenciada e que os outros estejam engajados.

Ora, mas como um profissional se engaja? Ele se engaja quando ele se sente parte do time e do projeto.

Então podemos supor que o Sênior deve ouvir compassivamente. Para ouvir compassivamente, devemos nos colocar na possição do outro. Tentar compreender o como a outra pessoa chegou a uma opinião.

Um Sênior não deve afastar o outro, mas aproximar.

Eu já falhei miseravelmente nisso em uma empresa. Sempre me colocavam em projetos com prazos bem apertados, e o que eu fazia? Espremia o time até conseguir o objetivo. 🤦‍♂️

Feio! O que eu me esquecia é que em uma empresa de software, pessoas são o bem mais importante. Logo um time insatisfeito era um problema.

Felizmente eu consegui resolver isso. Mas eu aprendi que não devo ter uma comunicação violenta. Devo ter cuidado com as palavras, compreender, engajar.

Tente convencer as pessoas da importancia das atividades. Conversar e convidar elas a participar. Caso não queiram.... bom, cada um tem seu momento. Fica em paz! Ah.... e informe o superior, tente renegociar o prazo. Tudo se resolve na conversa.

Fique atento ao seu tom de voz

Uma das coisas que aprendi no meu último ano foi que eu tinha um "problema". Sou descendente de italianos "cazzo"! As vezes meu tom de voz não é compreendido por pessoas de outros contextos. Isso já me trouxe muitos problemas.

Até que vendo um video meu eu percebi isso. Fui conversar com uma amiga fono e o que ela me disse é que isso é uma disfunção. Sua fala é desconectada das suas emoções. Calma isso é cultura. Como diria meu pai, em almoço de familia parece que tá todo mundo brigando, mas tá rolando tudo na paz.

Mas isso tem solução! Talkey? Fiz um acompanhamento por alguns meses e tive alguns avanços.

Minha dica: cuidado com seu tom de voz!

Mentore

Aqui é um informe. Se conhece alguém que não se atenta a esses detalhes, converse com ela. Mentore ela. Todas as pessoas podem amadurecer, mesmo as que achamos que não tem jeito.

Conclusão

Ser Sênior envolve muitos skills, muitos deles não são meramente técnicos. Falar e ouvir é um desses. Muita atenção ao que você fala e como você ouve.

Uma XKCD qualquer....

Discussion (0)

pic
Editor guide