DEV Community

Klecianny Melo
Klecianny Melo

Posted on

Como ser um dev fora da curva - por @sseraphini

Image descriptionDicas do Sibelius Seraphini durante AMA no dia 12/04/2022

Saber o que está acontecendo e por que está acontecendo.

Às vezes, reinventar a roda também pode ser uma coisa boa.

Se algo não funciona como você imaginou que funcionária é porque o seu modelo mental sobre aquilo está errado.

Estar preparado para aprender rápido coisas novas.

Não existe nenhum lugar que vai te ensinar tudo, é preciso ir atrás de conteúdos.

Ao invés de aprender com cursos, aprenda com códigos, documentação, livros etc.

Depender de cursos não é uma boa, pois leva um tempo até surgir um curso sobre uma nova tecnologia.

Aprender com textos é mais rápido do que aprender com vídeos. Isso pode te diferenciar, ter maior facilidade de aprendizagem por texto.

Não é necessário aprender tudo logo de início, aprenda conforme a demanda. Com o tempo você vai se especializando e se aprofundando.

É preciso ter bem claro e compreendido os fundamentos da programação.

Participe da bolha dev no twitter.

O twitter pode parecer uma besteira, mas é um bom lugar para achar boas oportunidades de emprego e descobrir novidades sobre a área tech.

Toda pergunta que você responde em público você está provando que sabe aquilo. Fazer isso pode te dar um destaque.

Se você não tem experiência em uma empresa, você tem que demonstrar o que sabe de alguma outra maneira.

Participe de projetos open source, faça algo pessoal, tenha projetos, demostre que sabe o que está no seu currículo, escreva artigos.

Em seus próprios projetos, se auto gerencie. Faça issues para você mesmo, solicite pair programming e revisão do seu código.

Ter conhecimento de inglês é muito importante.

Confiança é muito importante, as empresas vão contratar pessoas em que elas confiam. Por isso é tão importante demonstrar os seus conhecimentos e cumprir prazos.

Escrever artigos é uma boa maneira de mostrar para os outros o que você sabe e de mostrar para si mesmo que você sabe.

Documente seus passos, seus erros. Cada erro é uma progressão, desde que seja um erro diferente.

Quanto mais problemas diferentes você resolver, melhor seu arcabolso para resolver problemas diferentes.

Da mesma maneira que quer otimizar o seu código, pense em otimizar você e seu código.

Pense, onde você pode melhorar hoje?

Anote sempre o que está aprendendo. Uma nota para cada assunto. No fim, você cria um gráfico de conhecimento, como se fosse o seu Google do conhecimento.

Se você não escreve você não tem clareza, se você não escreve você tem a falsa sensação de que entendeu.

Testes garantem que o seu código funciona, se você não sabe testar, você não sabe o que está codando.

Se você não sabe testar, você não sabe claramente a sua linha de pensamento do código.

Esteja próximo do cliente final. Entenda quais as suas dores, como ele está utilizando o seu produto de fato.

Codar é o de menos.

Busque trabalhar com alguém mais senior do que você.

Foque no novo e não no velho.

SaS = Cria o seu produto e cobra uma mensalidade por mês.

No começo o código é ruim e não tem problema nisso.

Ler bastante é muito importante, não somente sobre programação, mas sobre tudo o que for relevante para você. Finanças, negócios, auto ajuda etc.

Pontos importantes para entrevistas:
GitHub (contribuições), O que está aprendendo no momento, Coisas que já fez, Motivação, entender do negócio, querer aprender, demonstrar que tem potencial.

Demonstrar que aprende rápido, que cresce rápido.

Livros indicados:
De onde vem as boas ideias
Stander bitcoin
skin in the game
black swan
standard bitcion
antifagil
on inteligence
o homem mais rico da babilonia
pai rico pai pobre
axiomas de zurique
o homem que calculava
hackers and painters
zero to one
lean startup
principles ray dalio
the atomic habits
Scrum: fazendo o dobro na metade do tempo

Links indicados:
https://fs.blog/mental-models/
https://www.amazon.com.br/Scrum-Doing-Twice-Work-Half/dp/038534645X
https://www.amazon.com.br/Phoenix-Project-DevOps-Helping-Business/dp/0988262592
https://basecamp.com/shapeup
https://www.amazon.com.br/Principles-Product-Development-Flow-Generation-ebook/dp/B00K7OWG7O
https://sibelius.substack.com/
https://blog.samaltman.com/how-to-be-successful
https://nav.al/rich
https://www.swyx.io/specialize-in-the-new
https://www.swyx.io/learn-in-public/
https://sseraphini.cc/
https://gist.github.com/sibelius/a2b333fa006bdd932e5a3c0c0de914b4
https://gist.github.com/sibelius/d8cf0d8b4a68bc36952a37006bb84109
https://gist.github.com/sibelius/a347a5a49d3731eab27bdc99b7af478e

Redes do Sibelius Seraphini:
Twitter
LinkedIn
Patreon
Via Patreon você ganha acesso ao canal do Discord do Sibelius Seraphini

Anotações disponibilizadas por Weslley Santos:
LinkedIn
Twitter

Discussion (7)

Collapse
beatrizoliveira profile image
Beatriz Oliveira

Ótimo blog post, certeza vai ajudar e dar um norte pra muita gente. Sigam os ensinamentos do Sibelius \o/

Collapse
gitnunes profile image
Anderson Nunes

Muito bom o post! Parabéns, Klecianny! Gostaria de contribuir com uma frase do Sibelius que me marcou durante esse AMA: "Se você for único, não tem concorrência para você".

Collapse
mpfdev profile image
Matheus

Obrigado pela contribuição, todas esses pontos são importantes de serem ouvidor/lidos, independente do nível de senioridade.

Collapse
h4ck3rtr4d3r profile image
h4ck3rtr4d3r • Edited on

"Aprender com textos é mais rápido do que aprender com vídeos. Isso pode te diferenciar, ter maior facilidade de aprendizagem por texto."

Nao que eu discordo, mas qual o racional por tras desta afirmação?

Collapse
cswame profile image
c.swame

Posso estar equivocado, mas acho que as duas principais bases que lembro ter associado a essa afirmação são as de que:
A partir do momento que você consegue se sair bem em absorver conteúdo pela leitura você está mais apto a consumir conteúdo mais atual (como sobre novas tecnologias) antes que as pessoas tenham tempo de aprender sobre aquilo e domina a ponto de fazer um vídeo com qualidade e profundidade suficiente para "dispensar" a leitura da documentação.
E de que, considerando que seja uma documentação bem feita (ou um post legal), você pode sim buscar de forma mais pontual o material que precisa para suprir sua dúvida / dificuldade ao invés gastar um bom tempo caçando um vídeo que cubra esse assunto deseja, que cubra de forma que você ache adequada a aprender com ele e ainda caçar o ponto que trata apenas das questões que você quer aprender...

Mas isso é só minha opinião também. Também acho que ambas as ferramentas são ótimas e que depende da situação e da pessoa. Cada um com seus ritmos e suas facilidade. Só não dá pra ficar parado.

Collapse
daniloab profile image
Danilo Assis

Que blog post genial parabéns!

Collapse
kecbm profile image
Klecianny Melo Ask Me Anything

Muito obrigada Danilo, o post foi feito via solicitação do mestre @sibelius 🥰