DEV Community

Cover image for Instalando o Docker Desktop no Ubuntu.
Angelo Brandão
Angelo Brandão

Posted on • Updated on

Instalando o Docker Desktop no Ubuntu.

Recentemente a Docker laçou uma versão do Docker Desktop para os sistema operacional Linux, anteriormente só era possível utilizar essa ferramenta nos sistema operacional MAC e Windows. O Docker Desktop é uma ferramenta que permite de forma mais rápida e através de uma interface gráfica conteinerizar aplicativos.

O melhor de tudo é que você pode utilizar essa ferramenta totalmete de graça, mas não se engane, de graça apenas seguindo os novos itens adicionados no Docker Subscription Service Agreement:

  • Se você for uma pequena empresa (menos de 250 funcionários e menos de US$ 10 milhões em receita anual), educação, projetos de código aberto não comerciais e uso pessoal.
  • Para uso profissional em empressas grandes, requer uma assinatura paga mensalmente no valor de US $5;

Apesar do Docker Desktop suportar outras distribuições Linux, tais como, Debian e Fedora, ambas da plataforma x86_64/amd64, o objetivo desse artigo técnico é explicar como realizar a instalação numa distribuição Ubuntu da mesma plataforma. Caso você não se interesse em utilizar uma interface gráfica, você pode fazer a instação via linha de comando em um terminal do Ubuntu conforme explicado nesse artigo: Instalando o Docker Engine CE no Ubuntu.

Para a instalação no Ubuntu você precisa realizar o download do pacote .deb ou .rpm. Nós iremos fazer a instalação utilizado um pacote .deb que pode ser obtido em DEB.


Requisitos de sistema

Para uma instalação com sucesso do Docker Desktop, seu host Linux, no caso o Ubuntu, deve atender a seguinte lista de requisitos:

  • Kernel de 64 bits e suporte de CPU para virtualização;
  • Suporte à virtualização KVM;
  • systemd init system;
  • Ambiente Desktop Gnome ou KDE;
  • Pelo menos 4 GB de RAM.

Importante
O Docker não oferece suporte para executar o Docker Desktop em cenários de virtualização aninhada, por exemplo utilizando uma ferramenta de virtualização como o VirtualBox, VMware, Xen, QEMU dentre outras. É recomendado que você execute o Docker Desktop para Linux nativamente em distribuições com suporte.


Suporte à virtualização KVM

O Docker Desktop exevuta uma VM (Máquina Virtual) que requer suporte KVM. KVM (para máquina virtual baseada em kernel) é uma solução de virtualização completa para Linux em hardware x86 contendo extensões de virtualização (Intel VT ou AMD-V). O módulo kvm deveria carregar automaticamente se o host (sua máquina) possui suporte à virtualização. Mas se para o seu caso esse módulo não foi carregado, você vai precisar carregá-lo manualmente executando o seguinte comando, no terminal do seu ubuntu:

modprobe kvm
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Dependendo do processador da máquina host, o módulo correspondente deve ser carregado executando um dos comando abaixo:

modprobe kvm_intel  # Processadores Intel

modprobe kvm_amd    # Processadores AMD
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Para verificar se o módulo para o processado do host foi carregado e está habilitado, você pode executar o seguinte comando e verificar o resultado, conforme imagem abaixo:

resultado-01

Como no meu caso a minha maquina host possui um processador Intel, podemos observar no resultado que foi carregado o módulo kvm_intel.

Após o módulo kvm ser carrgado precisamos seguir para o próximo passo que é configurar as permissões de usuário do dispositivo KVM. Para isso primeiro devemos verificar o propriétario de /dev/kvm, execute:

ls -al /dev/kvm
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Podemos verificar na imagem que o usuário proprietário é o usuário root, mas é necessário adicionar o seu usuário ao grupo kvm para acessar o dispositivo kvm.

resultado-02

Execute o seguinte comando para adicionar seu usuário ao grupo kvm:

sudo usermod -aG kvm $USER
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Instalação do Docker Desktop

Importante
Para a instalação é necessário que seja uma versão de 64 bits do Ubuntu Jammy Jellyfish 22.04 (LTS) ou do Ubuntu Impish Indri 21.10. Também é necessário que o Docker Engine CE esteja instalado no Ubuntu. No artigo Instalando o Docker Engine CE no Ubuntu eu explico como realizar a instalação.

Abaixo listo os passos que você deve seguir:

  1. Desinstale a versão tech preview ou a versão beta do Docker Desktop para Linux:
sudo apt remove docker-desktop
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Caso você queira realizar uma limpeza completa, exclua os arquivos de configuração e dados da pasta $HOME/.docker/desktop, o link simbólico em /usr/local/bin/com.docker.cli e os arquivos de serviço systemd restantes através dos seguintes comandos:

rm -r $HOME/.docker/desktop && \
sudo rm /usr/local/bin/com.docker.cli && \
sudo apt purge docker-desktop
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Nota
Se você instalou o Docker Desktop para Linux tech preview ou versão beta, você precisa remover todos os arquivos que foram gerados por esses pacotes (por exemplo, ~/.config/systemd/user/docker-desktop.service, ~/.local/ share/systemd/user/docker-desktop.service)

Adicionalmente, para ambientes não Gnome Desktop, o gnome-terminal deve ser instalado:

sudo apt install gnome-terminal
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode
  1. Instale o pacote .deb que você fez download no inicio da leitura desse artigo, com o comando apt da seguinte forma:
sudo apt-get update && \
sudo apt-get install ./docker-desktop-<version>-<arch>.deb
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Nota
No final do processo de instalação, o apt exibe um erro devido à instalação de um pacote baixado. Você pode ignorar esta mensagem de erro.

N: Download is performed unsandboxed as root, as file '/home/user/Downloads/docker-desktop.deb' couldn't be accessed by user '_apt'. - pkgAcquire::Run (13: Permission denied)

Existem algumas etapas de configuração pós-instalação feitas através do script pós-instalação contido no pacote deb, são elas:

  • Definir a capacidade no binário do Docker Desktop para mapear portas privilegiadas e definir limites de recursos;
  • Criar um link de /usr/bin/docker para /usr/local/bin/com.docker.cli;
  • Adicionar um DNS (Sistema de Nomes de Domínio) para o Kubernetes em /etc/hosts (Explicarei em um artigo posterior a esse o que é Kubernetes).

Pronto, o Docker Desktop está instalado, vamos agora iniciar ele pela primeira. :-D


Iniciando o Docker Desktop

Siga o seguintes passos para o sucesso e torça para que no final tudo ocorreu bem e você seja muito feliz com sua primeira instalcão do Docker Desktop:

  1. Abra o menu Applications (Aplicativos) no Gnome/KDE Desktop e procure pelo Docker Desktop.
    aplicativos

  2. Selecione Docker Desktop para iniciar o Docker. Será exibido o Docker Subscription Service Agreement.

  3. Marque a caixa de seleção para aceitar os termos atualizados e clique em Accept (Aceito) para continuar.
    Importante
    Se você não concordar com os termos, o aplicativo Docker Desktop será fechado e você não poderá mais executar o Docker Desktop em sua máquina. Você pode optar por aceitar os termos posteriormente abrindo o Docker Desktop.

Se ocorreu tudo bem depois de você aceitar os termos, o Docker Desktop vai iniciar um Quick Start Guide (guia de ínicio rápido). Este guia é um tutorial para criar uma imagem de exemplo do Docker, executá-la como um contêiner, enviar e salvar no Docker Hub. O Docker Hub é uma biblioteca para imagens de contêiner.
guia

Caso queira permitir que o Docker Desktop seja iniciado no login, no menu Docker, selecione Settings (Configurações) > General (Geral) > Start Docker Desktop when you log in (Inicio o Docker Desktop quando você logar).

E então chegamos ao fim, ufa! Espero que você tenha gostado e estarei a disposição para tirar as dúvidas que aparecer, só deixar um comentário.

Bons momentos :-)

Discussion (0)