loading...
PHP Brasil

Como não desenvolver em PHP

erandirjunior profile image Erandir Junior ・2 min read

Olá devs, este é meu primeiro artigo e gostaria de “falar” não sobre como desenvolver bem em PHP, pois artigos assim têm aos montes, mas sim, sobre como desenvolver mal com PHP. Então vamos lá.


Uma pequena observação sobre este artigo, ele complementa os principíos do XGH, caso você caro leitor não saiba do que se trata, aconselho a dar uma lida aqui.


Pois bem, começaremos pelo básico: Nomenclatura de variáveis, métodos e arquivos, eles podem ser de qualquer jeito, até porque o importante é que VOCÊ entenda o código, para os outros, apenas lamento. Veremos um exemplo prático:
1_okvBbPZJJBssuNvC6hxzmA

Importação de arquivos: esqueçam composer, spl_autoloader_register, ou qualquer outra coisa que faça importação, o negócio é importar manualmente os arquivos, por quê?? Porque assim amiguinho, teremos total controle sobre quais arquivos realmente iremos utilizar:
1_Yl_mAcbYJecHJo6xWUAiDQ

Programar somente de forma procedural: programação orientada a objetos é feio a começar pelo nome, você mencionar “procedural” parece que tem mais ênfase, sabe?

Dependência externa: quem desenvolve atualmente vai em boa parte dos casos precisar usar algumas libs, seja para gerar pdf, ou para enviar e-mails, e não tem nada mais reconfortante do que criar uma pasta no projeto chamada “lib” e jogar todas as suas dependências lá.

Versionamento: falando no projeto, esqueçam controle de versão, mexer com linha de comando dá trabalho, além disso já é difícil lembrar dos comandos da linguagem, ainda tem que se preocupar com outras coisas, dá arrepios só de lembrar. O negócio é compactar nomeando pela data e pronto, tá fechado aquela versão do sistema.

Organização: essa é minha última e melhor dica, esqueçam esse negócio de mvc, kiss, dry, solid, design patterns, é tudo besteira, perda de tempo. Leiam atentamente as próximas frases. O négocio é um criar um único arquivo para tudo. Você só terá vantanges, vamos a algumas: extenção (só tem um arquivo onde inserir novas funcionalidades), manutenção (se der algum erro, já sabemos em qual arquivo mexer), importação (aqui não precisamos importar nada, já que só temos um arquivo), viram as vantagens?

O homem nasceu fazendo gambiarra, são as boas práticas que o corrompem.

Posted on by:

erandirjunior profile

Erandir Junior

@erandirjunior

PHP developer, youtuber and blogger

Discussion

pic
Editor guide